Douglas Borges

Espontâneo, autêntico e com uma voz marcante. Este é o perfil de Douglas Borges, cantor goiano que assinou contrato com a Graça Music para distribuição digital de sua obra. Além disso, já deu início à produção de três novos singles, um videoclipe e duas Music Sessions, produtos que serão lançados em breve pela gravadora nas plataformas e no YouTube.

A gravação das músicas foi realizada nos Estúdios Graça, no Rio de Janeiro. Já o conteúdo audiovisual teve locações em Valença (RJ) e na igreja Projeto Vida Nova em Campo Grande, liderada pelo pr. Marcus Salles, que inclusive participou de uma das canções.

O cantor lançou recentemente uma música autoral, intitulado “Meu Tudo”, disponível em todas as plataformas digitais e também no YouTube. O single traz uma sonoridade pop com uma proposta bastante congregacional. “Ganhar almas sempre foi algo muito forte em meu ministério, espero que este novo projeto cure e liberte vidas para glória de Deus”, declara Borges.

Além de cantor, Douglas Borges também é escritor. “Há cerca de 10 anos dou apoio a pessoas com problemas emocionais, com desejo de suicídio. Já lancei um livro que fala sobre o assunto”, informa o artista.

Biografia

Natural de Bonfinópolis, uma pequena cidade do interior de Goiás, Douglas Borges ele é casado com Thamara Borges e pai de Asafe. Ele se envolveu com a música ainda na adolescência e logo já tocava vários instrumentos e ministrava louvor na sua igreja local.

Douglas, que é membro da Assembleia de Deus Vila Nova de Goiânia, está há mais de 15 anos na estrada. Por meio de suas canções e ministrações no Brasil e na Europa, onde realizou quatro turnês, muitas vidas têm sido tocadas e libertas pelo seu ministério.

O cantor já gravou canções de grandes nomes da música gospel, tais como Anderson Freire, Marcus Salles, Wesley Ros e Thiago Godoi.  Até o momento, disponibilizou nas plataformas digitais os singles “Meu tudo” (2020), “Filho Te escolhi” (2020), “O Novo de Deus” (2018) e “Foi naquela cruz” (2017), além do álbum independente “Preciso ir” (2013), que contém 11 faixas, sendo sete autorais.

Com o estilo de pop rock/adoração, as letras falam de perdão, intimidade e, principalmente, do chamado de Deus na vida de um cristão. “Nosso principal chamado é ganhar almas para o Reino de Deus”, afirma Douglas Borges.

O cantor fala sobre o álbum: “O público gospel curtiu bastante meu primeiro CD, que tem muita guitarra e arranjos lindos de teclado. Esta é a marca do projeto. Os jovens do Brasil precisam conhecer Jesus, precisam ser impactados de alguma forma. A canção ‘Espírito Santo’ é de autoria de um dos grandes ministros de louvor do Brasil, Marcus Salles, que tem uma letra forte que fala da igreja ser cheia da presença de Deus. Uma das canções mais marcantes é do cantor e compositor Anderson Freire, ‘Serei Bendito’, que fala do Céu, da grande experiência do encontro com Jesus”.

Discografia: